Pesquisa aponta que crentes não comprariam de ateus


Pesquisa aponta que crentes não comprariam de ateus

Uma pesquisa realizada com internautas, do site do Mundo Gospel, apontou que 56% dos entrevistados afirmaram que caso identifique que uma empresa pertence a um ateu, não compraria seus produtos.

A pesquisa foi postada no início deste mês e foi gerada devido a campanha que grupos ateístas tem feito não só no Brasil, mas também em outros países.

A editoria de conteúdo do site achou interessante saber a opinião dos internautas a este respeito. Além dos 56% que optaram por não comprar nada, 30% apontaram que se não souber a origem não compram, 7 por cento afirmaram que comprariam e outros sete por cento que o fato de ser produzida ou não por ateu não importa.

Fonte: http://portaldomundoevangelico.blogspot.com.br/2011/08/pesquisa-aponta-que-crentes-nao.html

Para padre, “falta de Deus faz aparecer a morte, o roubo, a mentira, a violência em toda sua plenitude”


Para padre, “falta de Deus faz aparecer a morte, o roubo, a mentira, a violência em toda sua plenitude”

O padre Roberto Francisco de Oliveira publicou hoje no site do Jornal da Manhã, de Uberaba (MG), o texto A dimensão religiosa é opcional?. Ali, à pergunta “Cultivar a dimensão religiosa é algo opcional ao ser humano?”, ele responde: 

“a abertura ao divino, a procura pelo divino, não pode ser encarada como um dado facultativo.”

Ou seja, para o padre, independentemente do art. 5o da Constituição Federal, crer em deus é obrigatório. Mas ele continua:

“O homem somente se realiza enquanto homem quando desenvolve a sua dimensão religiosa. Cheio de Deus, o homem se torna mais homem. Torna-se verdadeiro homem. Consequentemente, a humanidade alheia a Deus não é humanidade. Quando muito pode ser considerada uma humanidade pela metade, deformada.”



Para o autor, os ateus não se realizam enquanto homens: são menos homens, não são verdadeiros homens – e portanto seriam… pseudo-homens? Falsos homens? Somos homens pela metade, ou nem humanos somos. 

E como não poderia deixar de ser, ele nos associa a todo tipo de mal e violência:

“A ausência do divino converte pessoas em espectros, em zumbis capazes de negar o ser. A falta de Deus faz aparecer a morte, o roubo, a mentira, a violência em toda sua plenitude. O dinheiro transmuta-se em ídolo e a ambição em mola propulsora do agir. Cai por terra o sentido da vida, os ideais elevados, o despojamento materialista.”E como não poderia deixar de ser, ele nos associa a todo tipo de mal e violência:

Fonte: http://ateusatentos.blogspot.com.br/2011/08/para-padre-falta-de-deus-faz-aparecer.html

MPF-SP processa Rede TV! e igreja por declaração contra ateus

MPF-SP processa Rede TV! e igreja por declaração contra ateus

O Ministério Público Federal (MPF) em São Paulo moveu ação civil pública contra a emissoraRede TV! e a Igreja Internacional da Graça de Deus pela veiculação de mensagens ofensivas contra pessoas ateias. Nela, o órgão pediu que ambas se retratem no programa de onde partiu as declarações, bem como esclareçam à população sobre a diversidade religiosa e liberdade de crença no Brasil durante o dobro do tempo usado nas supostas ofensas.

Durante a edição do programa O Profeta da Nação de10 de março, o apresentador disse: “Só quem acredita em Deus pode chegar pra frente. Quem não acredita em Deus pode ir pra bem longe de mim, porque a pessoa chega pra esse lado, a pessoa que não acredita em Deus, ela é perigosa. Ela mata, rouba e destrói. O ser humano que não acredita em Deus atrapalha qualquer um. Mas quem acredita em Deus está perto da felicidade.”

Segundo o procurador regional dos Direitos do Cidadão, Jefferson Aparecido Dias, as declarações ferem a Constituição Federal e a Declaração Universal dos Direitos Humanos. Ele afirmou o Brasil é um Estado laico e que a todos é assegurada a liberdade de crença religiosa, além da possibilidade de ser ateu e agnóstico.

O MPF também pediu que a Secretaria de Comunicação Eletrônica do Ministério das Comunicações, instituição responsável pela regulamentação dos serviços de radiodifusão, fiscalize o programa e a emissora. Para o MPF, foi ferido um artigo do Regulamento dos Serviços de Radiofusão que obriga a subordinação dos conteúdos às finalidades educativas, informativas e culturais.

Fonte: http://noticias.terra.com.br/brasil/mpf-sp-processa-rede-tv-e-igreja-por-declaracao-contra-ateus,65ab0970847ea310VgnCLD200000bbcceb0aRCRD.html

Estudo diz que ateísmo vai tomar lugar das religiões


Estudo diz que ateísmo vai tomar lugar das religiões

Um estudo que será publicado neste mês aponta que, quanto mais desenvolvido o país, maior o número de ateus.

Para o autor Nigel Barber, portanto, chegará o dia em que quase todo o mundo vai se declarar sem religião.

A mudança já estaria ocorrendo. A pesquisa, feita em 137 países, mostra que nas economias mais desenvolvidas o número de descrentes é crescente.

Na Suécia, por exemplo, o índice chega a 64% da população, seguida por Dinamarca (48%), França (44%) e Alemanha (42%).

Na outra ponta, países da África sub-saariana têm menos de 1% de ateus.

O autor aponta razões mercadológicas para a baixa das religiões.

Segundo ele, as pessoas procuram as igrejas para se salvar de dificuldades e incertezas da vida.

Hoje profissionais como psicólogos e psiquiatras podem perfeitamente suprir essa lacuna.



Archives by Month:


Archives by Subject:


Archives by Year:

  • 2018
  • 2017
  • 2016
  • 2015
  • 2014
  • 2013
  • 2012
  • 2011
  • 2010
  • 2009
  • 2008