Grupos de ativistas pelo país irão praticar uma “overdose homeopática coletiva” neste fim de semana como forma de participar de um protesto global contra estes tipos de remédios.

Os participantes em cidades como São Paulo, Natal e Porto Alegre tomarão caixas inteiras de pílulas homeopáticas na manhã do dia 5 de fevereiro de 2011 a fim de atrair a atenção do público para o fato de que os ditos “remédios” homeopáticos são inertes – e também como forma de pressionar farmácias e médicos a vender e prescrever apenas medicamentos que de fato funcionem.

A Atea é uma das entidades que apoia essa iniciativa, como forma de promover o pensamento crítico e o método científico. Os interessados podem se informar em http://www.ceticismoaberto.com/ceticismo/6012/consumidores-brasileiros-encenaro-overdose-homeoptica.